Nota de Esclarecimento

Município de Águas Lindas de Goiás, vem por intermédio da Secretaria de Comunicação informar que nem a Procuradoria Geral do Município, nem o próprio Poder Executivo Local, estão vinculados com as investigações feitas pela Policia Federal na 5ª fase da Operação Registro Espúrio que investiga a liberação de registros e contribuições sindicais fraudulentas no Ministério do Trabalho e Emprego. Assim é importante esclarecer que a Procuradoria Geral sempre agiu com total responsabilidade e probidade na direção dos atos municipais e que continuará atuando com total lisura a frente das demandas judiciais e administrativas do município, neste sentido é a fala da Procuradora Geral Dra. Julianna Machado Arantes Moretto:
“Que ao longo dos mais 20 (vinte) anos de advocacia pública sempre conduzi as minhas obrigações profissionais com afinco e dedicação, primando por realizar a justiça dentro da legalidade quanto aos assuntos tratados. Também nunca ocupei cargo no Ministério do Trabalho e Emprego e nunca realizei qualquer trabalho profissional com sindicatos ou qualquer pessoa vinculada ao Ministério do Trabalho, razões relacionadas à busca e apreensão, ato este que sofri traz indícios da minha inocência, haja vista que nada foi encontrado. Ainda, não tive acesso aos autos para ter conhecimento das acusações, bem como me coloco a disposição do Judiciário para esclarecimento dos fatos. Mas, em função do meu compromisso com a verdade comunico o meu desligamento da Procuradoria Geral do Município para buscar provar a minha inocência”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.